sexta-feira, 20 de abril de 2012

Perfil do STF no FB ataca a Igreja. Proponho...

O diálogo abaixo aconteceu depois da decisão do STF sobre o aborto (assassinato) de anencéfalos, o que eles chamam eufemisticamente de parto antecipado.

Pois bem, o diálogo aconteceu dentro do perfil OFICIAL do Facebook do STF. O ataque foi explícito! Obviamente que todos os que comentaram foram bloqueados, excluídos e censurados sem direito a contraditório e ampla defesa, bem ao estilo PT-esquerdopata-megalomaníaco.

Vejamos o print da postagem:


Então, veja se esse comentário, como disse um conhecido, não foi bem ao estilo: Não sabe brincar, devolve os "carrim"!

Foi exatamente isso o que aconteceu, não tinha argumentos e partiu pra ignorância, como sempre aliás.

Só que esse texto não é só para denunciar uma mensagem espúria que o perfil OFICIAL do STF no Facebook postou, mas sim para cobrar providências. A questão é que conforme a Constituição eu tenho pleno direito de exercício religioso. Pelo Código Civil eu tenho pleno direito a indenização por danos morais e pelo Código Penal eu me senti injuriado. Por um lado mais complexo, não por ficar difícil de achar o direito, mas por que a CNBB não vai querer mexer nisso, a CNBB poderia processar por calúnia, já que o indivíduo que postou isso ai não vai conseguir provar o que disse. Não vai por isso ai é senso comum, não existem provas concretas, nem históricas, nem nada.

Pois bem, o STF vai se manifestar com pedido formal de desculpas ou proponho um invasão do perfil com  mensagens pedindo essa nota de desculpas e o nome do indivíduo estúpido que escreveu isso. Estou disposto a propor minha ação de indenização em face do indivíduo e até em face da União também, mas  em ações separadas poque quero que o cara venha aqui para contestar a ação, caso contrário sofre uma revelia.

Espero que muitos estejam comigo!


Um comentário:

oandarilho01 disse...

Eu te apóio. Vou tentar entrar lá e deixar uma mensagem.